OFICINAS

 

WORKSHOP DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA EM CINEMA

DIA 1

A CAMERA de cinema: sensores, formatos, raw, log, lentes, fi ltros, workflow;

A LUZ: comportamento da luz, tipos de luz, relaçãocom o sensor, “clima” e intenção, estética;

EQUIPAMENTOS de iluminação: refl etores, modificadores, controladores, rebatedores, difusores;

COMPOSIÇÃO: composição de cena, enquadramento,foco seletivo, iluminação seletiva, planos.

 

DIA 2

Filmagem de cenas aplicando os conceitos;

Edição e Finalização das cenas.

 

Neto Favaron

Nascido no Rio de Janeiroe graduado emPublicidade pela UFF,atua como diretor defotografi a e operadorde Steadicam em videoclipes,comerciais,curtas e longa-metragens, gravação de DVDs ao vivo ecampanhas políticas. Criou e produziu a primeira sériede animação brasileira, “Amazon Warriors” para a Globo.com. Em 2008, fundou a Fazer Cinema, empresavoltada à direção de fotografi a e à locação de equipamentosde cinema digital.contato@fazercinema.com.br

 

 

PROJETO SAL GROSSO

 

O Festival Brasileiro de Cinema Universitário nasceu a partir da realização conjuntade um curta-metragem, cuja equipe mista reunia estudantes dos três cursosde cinema então existentes no país: UFF, ECA-USP e FAAP. Dessa corajosaempreitada, que juntou paulistas e cariocas na cidade de Cabo Frio, surgiu Bem--vindo a Sal Grosso, fi lme de abertura da primeira edição do Festival. Contagiadospor ecos dessa emblemática experiência, criamos o Projeto Sal Grosso, quereunia, em uma equipe mista, pessoas de diferentes universidades e regiões doBrasil, no desafi o de juntas realizarem um curta. A partir dessa ideia, o FBCUcriou o Projeto Sal Grosso, um laboratório de roteiro realizado durante o festival,com seleção prévia, aberta a todos os estudantes de cinema do país.Depois de algumas edições sem possibilidade de viabilizar o Sal Grosso, o Festivalretoma o projeto, em 2017, com novos conceitos e fomos surpreendidoscom o número recorde de 256 inscritos. Destes, foram selecionados 12, abaixolistados, e ao fi nal do laboratório um deles será escolhido pelos ofi cinistas eorientadores, que este ano são: Douglas Soares (diretor e roteirista), RodrigoSéllos (diretor, roteirista e montador) e Tatiana Leite (produtora).

Dentro da Gente, de Lucas Sátolo, USP

O Doce Cheiro Que Vem dos Seus Olhos, de Clébson Oscar, UFC

Eat Me,de Letícia Gomes, UFSCar

Guardião da Pedra,de Ana Clara Mattoso, UFRJ

Ilhas de Calor,de Ulisses Arthur, UFRB

Ibeji Ibeji,de Victor Rodrigues, UFF

Impermeável Pavio Curto,de Higor Gomes, UNA

Lilith,de Mariana de Melo Pereira, UFF

A Morte Liga,de Kaio de Macedo, UFP

Pombas,de Isabella Yoshimura, USP

Sobre Nós,de Natália Araújo, UFPE

Vigia,de João Victor Borges, UFF

 

Douglas Soares

Formado em Direção Cinematográfica e com mais de 15 roteiros em seu currículo. Realizou diversos curtas, entre eles: “A dama do Peixoto” (2011),“Contos da Maré” (2013) e “Inocentes” (2017).Em longas-metragens, escreveu “Xale” (2016),“Mais do que eu possa me reconhecer” (2015), e“O vulto do pássaro”, projeto em desenvolvimentono núcleo de novos autores da GLAZ. Na TV, é co--roteirista da série “Noturnas” (2016), em exibiçãono Canal Brasil.

 

Rodrigo Séllos

Formado em Cinema pela Universidade Federal Fluminense (UFF), atua como diretor, montador eprodutor audiovisual e é sócio da Caos e Cinema. Atualmente desenvolve seu primeiro longa de ficção“MACUXI”. Seu filme mais recente, “Você nãome Conhece” (2017), está em fase de pós-produção.Dirigiu o longa “Aqui, doido varrido não vaipra debaixo do tapete”, e os curtas “Meia-noiteRio”, “Aula de reforço” e “E tu, quem és?”, entreoutros projetos.

 

Tatiana Leite

Formada em História da Arte pela Universidade Sorbonne, na França, e em Direito pela PUCRio, Tatiana Leite foi coordenadora internacional do Festival do Rio (2000-2009), assessora internacional daSecretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro(2009-2013), coordenadora da Rio Film Commissione curadora do Festival Internacional de Curtasdo Rio de Janeiro – Curta Cinema e do Open AirFestival no Brasil. Produziu os longas-metragens“Aspirantes” (2015), de Ives Rosenfeld, “Benzinho”(2016), de Gustavo Pizzi e “Pendular” (2017).

 

OFICINA FILMES DE GAVETA

 

Em sua primeira edição, a Oficina Filmes de Gavetase apresenta como uma proposta inédita em festivais universitários. O objetivo do projeto é resgatar fi lmesnão concluídos por estudantes durante seu período degraduação, seja pelas condições de captação, montagemou finalização e trazê-los para debate, de forma a desenvolver novas soluções para tirá-los da gaveta. Para isso contará com o direcionamento e supervisãodo doutor e pesquisador Luiz Garcia.

Projetos selecionados

Povo Desenvolvido é Povo Limpo,de Erik Gasparetto, AIC SP

Reflexo do Fruto, de Inana Fernandes e Giulianna Miguel, UFPE

Estrovenga,de George Ulysses Rodrigues de Sousa, UFC

Sondescape,de João Gabriel Rabello Silva, PUC RJ

 

Luiz Garcia

Doutor (2016) e Mestre (2011)em Comunicação Social pela Universidade Federal Fluminense. Bolsista-sanduíche na Sorbonne Nouvelle – Paris 3 (doutorado). Co-idealizador do projeto “Inventarcom a Diferença: Cinema e Direitos Humanos”, desenvolvidoe executados na UFF. Um dosfundadores e programadores doRisco Cinema, núcleo que desenvolveatividades de exibiçãoe pesquisa em torno do cinemaexperimental.

 

MESAS DE DEBATE

 

1. Formação em Audiovisual

Conceitos e metodologias de ensino em cursos regulares e livres

Escola de Cinema Darcy Ribeiro

Ter, 05 set, 14h

• Miguel PereiraDoutor em Artes-Cinema pela Escola de Comunicaçõese Artes – USP; foi Coordenadordo Programa de Pós-Graduação em Comunicaçãoda PUC/RJ e Homenageado do 20ºFBCU

• Elianne IvoCoordenadora do Curso de Cinema e Audiovisual– Universidade Federal Fluminense (UFF)ggx@vm.uff.br

• Irene FerrazDiretora Geral da Escola deCinema Darcy Ribeirosecretaria@ecdr.org.br

 

2. Cinema e Territórios

Todo cinema tem seu lugar – Reflexõe ssobre espaços periféricos de produção

Escola de Cinema Darcy Ribeiro

Qua, 06 set, 14h

• Ziza DouradoDepartamento de Ensino -Escola de Cinema Darcyensino@ecdr.org.br

• Priscila GomesFormada em Comunicação social, "fazedora" de estória.prisgrio@gmail.com

• Luana PinheiroCoordenadora de Produção da Escola Livrede Cinema de Nova Iguaçu e Produtorana Ryzoma Inquietações Culturaisluahpinheiro@gmail.com

PATROCÍNIO

PATROCÍNIO
PATROCÍNIO
PATROCÍNIO

APOIO

APOIO
APOIO
APOIO

REALIZAÇÃO

REALIZAÇÃO
REALIZAÇÃO
REALIZAÇÃO
REALIZAÇÃO
 
 
REALIZAÇÃO

PARCEIROS

PARCEIROS
PARCEIROS
PARCEIROS
PARCEIROS
PARCEIROS
 
 
PARCEIROS
PARCEIROS
PARCEIROS
PARCEIROS
PARCEIROS